Header Ads


Reajuste: votação na Câmara e Senado garante Orçamento para o Piso

    Liderança de Ilda Angélica consolida derrubada do veto ao Orçamento do Reajuste do Piso Nacional, na Câmara dos Deputados e Senado.  —  Foto: Divulgação.
 
Reajuste: votação na Câmara e Senado garante Orçamento para o Piso
Publicado no JASB em 17.dezembro.2021.  

Canal da CONACS A CONACS - Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde se desdobrou para que todos os Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias tivessem garantido o Orçamento para pagamento do Reajuste do Piso Salarial Nacional em 2022.
-
-
Acampados em Brasília, os diretores da Confederação permaneceram no Distrito Federal até os últimos momentos, mesmo sofrendo uma onda de ataques pelas redes sociais, impulsionados por notícias falsas, compartilhadas pelos opositores. Estes que tentaram sabotar o avanço das duas categorias a todos custo, não se deram conta de que estavam prejudicando a quase 400 mil ACS's e ACE's. 

Apesar de tudo, os diretores da CONACS seguiram focados na derrubada do veto 44.8, buscando garantir o Orçamento para o Reajuste do Piso Nacional, ainda para o ano de 2022.

Assim que se iniciou a Sessão Congresso na Câmara dos Deputados Federais, Ilda Angélica, diretora presidente da Confederação, usou as redes sociais para convocar as duas  categoria de agentes comunitários e de combate às endemias. O objetivo era mantê-los mobilizados nas redes sociais, incentivando aos deputados federais e senadores à derrubada do veto. 


Câmara dos Deputados
Após a derrubada do veto na Câmara dos Deputados (algo que foi obtido com muito sacrifício, inclusive, com Ilda Angélica conversando com cada uma das lideranças partidárias, ainda durante o momento da votação), restava garantir a derrubada do veto no Senado Federal.
-
-
Votação no Senado Federal. 
A Confederação contou mais uma vez com o apoio de um grande rede de apoiadores. Uma grande mobilização fez das Redes Sociais um instrumento de garantia de direitos. Focados no incentivo dos senadores, após atingir o objetivo na Câmara dos Deputados, a rede de apoiadores atendeu a convocação da Confederação Nacional e mostrou a sua força. O resultado não poderia ser diferente: o veto 44.8, também foi derrubado no Senado.

Próximo passo
Garantido o Orçamento para o Reajuste do Piso Nacional, agora será necessário a aprovação da PEC 22. Será essa aprovação que dará origem a Lei que estabelecerá o reajuste do Piso. 
A CONACS já tem um acordo firmado para garantir a votação da Proposta de Emenda à Constituição nº 22. A previsão é que essa votação ocorra em março de 2022.

Confira o vídeo sobre a grande vitória da derrubada do veto na Câmara e no Senado:


-
-
A falta de previsão legal: Alerta contra o Golpe do falso Piso de  R$ 1.920. Por Cosmo Mariz.

O sindicalista e Bacharel em Direito, Cosmo Mariz, é diretor presidente do SINDAS-RN, uma instituição que tem apresentado relevante avanço na luta pela garantia dos direitos dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias do Rio Grande do Norte. 

O alerta de Cosmo Mariz
Agentes de saúde estão sendo induzidos em erro e podem prejudicar o Piso Nacional em 2022, com a conversa de um suposto piso de R$ 1.920,00, a partir de janeiro o que é mentira.

A CONACS sabe o que está fazendo, tem pé no chão e não precisa mentir ou enganar ninguém. Todos sabem que esse ano só temos condições de garantir o orçamento, e isso ainda não se resolveu, depende da derrubada do veto 44-8.
-
-
Todos sabem que garantindo-se o orçamento agora, é a única garantia do piso salarial em 2022, por meio da PEC 22. Infelizmente esse ano não sairá NENHUMA PREVISÃO LEGAL PARA UM NOVO PISO.

Atenção! 
Mobilizar os deputados contra a votação da PEC 22 em 2022, sob alegação de que já está certo um piso de R$ 1.920,00, fará com quê apenas se garanta no orçamento um piso em 2022 de R$ 1.920,00.

Com orçamento sem previsão legal não receberemos piso. Em março quando a previsão legal do piso vier pela PEC 22, precisaremos do orçamento. Se caírem na conversa de um piso certo que não existe, só será garantido orçamento para R$ 1.920,00 para 2022.

Querendo ou não, agrade quem agradar, só sairá piso com base legal.  Se tivesse base legal para um piso a partir de janeiro de 2022 de R$ 1.920,00 até eu estaria defendendo. Se temos que esperar até março de 2022 de toda forma, que se aprove um orçamento para 2 salários e pague-se após a PEC 22 ser aprovada, retroativo a janeiro de 2022.

Não se deixe enganar procure uma opinião fora da categoria e extra representações. Pode ser membros da OAB, advogado particular, contador etc.  Só não procure gestores. Veja o vídeo aqui!

JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil.

O jornalismo do Conexão Notícia precisa de você para continuar marcando ponto na vida das pessoas. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de qualquer valor, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado! Veja como doar aqui! 

Inscreva-se no canal do JASB no YouTubeWhatsAppTelegram ou Facebook.

-
-
Incentivo: Mais uma prefeitura repassa R$ 1.550 aos ACS e ACE.

      O Incentivo Financeiro Adicional é devido aos agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias.  —  Foto: Divulgação.
 
Canal Incentivo Financeiro A prefeitura Municipal de Moreno (PE), cumprindo o que determina a lei e portaria que descreve a destinação do recurso repassado pelo FNS - Fundo Nacional de Saúde, está repassando aos agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias o devido recurso.
VEJA TAMBÉM:
-
-
9 alimentos que prejudicam a saúde do estômago

      O cuidado com a alimentação é determinante para uma vida com qualidade.  —  Foto: Divulgação.
 
Canal Incentivo Financeiro Má digestão, azia, dores abdominais e sensação de estufamento. O que todos esses sintomas têm em comum? Todos podem ser provocados ou agravados por uma dieta baseada em alimentos prejudiciais à saúde do estômago.

Conteúdo relacionado:

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.