Header Ads


URGENTE: Presidente da CONACS irá manter a agenda do dia 30/11, 01 e 02/12.

     Na tarde do dia 23/11 a CONACS foi recebida na Presidência do Senado pelo Senador Alexandre Silveira PSD Minas Gerais, que de pronto abraçou as pautas dos ACS/ACE.  —  Foto: Reprodução.
 
URGENTE: Presidente da CONACS irá manter a agenda do dia 30/11, 01 e 02/12. 
Publicado no JASB em 24.novembro.2021.  

Canal da CONACS | Ilda Angélica Correia, diretora presidente da CONACS, informa a todos os agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias do país, que a agenda da Convocatória está mantida. Portanto, a Grande Mobilização em Brasília ocorrerá no dia 30 de novembro, 01 e 02 de dezembro.

A diretora da Confederação Nacional também justificou a importância da categoria manter a agenda da mobilização para derrubada do item 8, do veto 44. O que deve garantir a previsão orçamentária para pagamento do Reajuste do Piso Nacional. 
-
-
Ilda ratificou que há uma agenda do Congresso Nacional para os dias 06 e 07 de dezembro, contudo, ela asseverou a importância dos ACS/ACE se anteciparem, no caso, se mobilizando no Distrito Federal nas datas apontadas na Convocatória da CONACS.

Confira o vídeo com os esclarecimentos da direção da Confederação Nacional:


Agenda em Defesa do Reajuste do Piso Nacional dessa quarta (24).

Hoje (24/11) há uma reunião agendada pelo Dr. Leonardo, presidente da Frente Parlamentar em Defesa dos ACS/ACE, além da representação das duas categorias e parlamentares federais. O horário previsto é 17 horas. 
Posteriormente traremos mais detalhes com a segurança de quem é parte da notícia há quase 20 anos.

Sabendo-se ainda que, por iniciativa do colegiado de lideranças do Congresso Nacional, será realizada uma Sessão Congresso para apreciação de todos os vetos, inclusive, o item 8, do veto 44. Isto está agendado para o dia 06 e 07 de dezembro, conforme já informado anteriormente. 

Segundo a advogada Elane Alves é fundamental que as duas categorias estejam em Brasília para garantir a previsão orçamentária e a aprovação da PEC 22. No caso, Elane informou sobre a Mobilização para os dias 06 e 07 de dezembro.
-
-

Ilda Angélica Correia, diretora presidente da CONACS, havia alertada aos ACS/ACE para a necessidade de articulação em Brasília pela derrubada do veto 44, idem 8. Também sobre a importância da aprovação da PEC 22, sem a qual não haverá reajuste do Piso Nacional. É importante que todos entendam que não se trata apenas da garantia orçamentária, mas, também da Proposta de Emenda à Constituição que está na reta final da tramitação. Veja o vídeo aqui!

Elane Alves comentou sobre a LOAS - Lei Orgânica da Assistência Social e sobre a LDO - Lei de Diretrizes Orçamentárias. Segundo ela, uma das duas irão contribuir para o reajuste do Piso Nacional. Ela deixou claro que não se sabe qual das duas. 
-
-
A advogada contratada da Fnaras também falou em estratégia de três semanas em Brasília. "Essas três semanas é que vai garantir toda essa situação," comentou.

Nas redes sociais tanto os ACS, quanto os ACE, questionaram o contexto da necessidade de presença em Brasília por três semanas. Os agentes apontaram que as intrigas, provocadas contra a CONACS, prejudicaram as negociações que poderiam garantir o reajuste do Piso Nacional. 

A realidade é que a Associação Fnaras segue fazendo um movimento autônomo (em separado) do que está sendo feito pela Confederação Nacional. No caso, há duas frentes atuando em Brasília. O que nunca havia ocorrido antes com as características de hoje, ou seja, de um lado a CONACS e do outro um grupo formados por opositores à instituição que articula os direitos dos ACS/ACE a mais de 23 anos. Qual será o resultado dessa situação?
-
-
Lembrando que a reunião agendada pelo Dr. Leonardo (presidente da Frente Parlamentar em Defesa dos ACS/ACE), além da representação das duas categorias e parlamentares federais foi marcada para hoje, (24/11), às 17 horas. 

Em matéria anterior foi citado a necessidade dos deputados que fazem parte das Frente Parlamentar despertar e fazer o papel que justifica a existência da frente. Uma frente que existe apenas nominalmente não cumpre o seu dever.


JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

O jornalismo do Conexão Notícia precisa de você para continuar marcando ponto na vida das pessoas. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de qualquer valor, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado! Veja como doar aqui! 

Inscreva-se no canal do JASB no YouTubeWhatsAppTelegram ou Facebook.

VEJA TAMBÉM:
-
-
14º - Incentivo Financeiro: conheça as cidades do país que pagam aos agentes comunitários e de endemias

     O Incentivo Financeiro Adicional não é para pagamento de 13º salário, ele representa uma parcela extra a ser paga os ACS/ACE.  —  Foto: Reprodução/JASB.
 
Essa pesquisa sobre as cidades que pagam o Incentivo Financeiro Adicional somente foi possível, graças a participação dos agentes comunitários e de combate às endemias dos municípios destacados. Ela ajuda na articulação para garantir esse repasse nas cidades que ainda não pagam esse direito... Veja a matéria completa, aqui!

Gratificação de Final de Ano (14º): O incentivo financeiro dos ACS/ACE será de R$ 1.550,00.

    O valor de  R$ 1.550, relativo ao Incentivo Financeiro Adicional é devido aos Agente Comunitário de Saúde e Agente de Combate à Endemias. —  Foto: Reprodução.

Estamos diante do repasse do Incentivo Financeiro Adicional, ou seja, uma parcela extra em dinheiro que será calculada com base no número de ACS registrados no cadastro de equipes e profissionais do sistema de informação definido para este fim. Essa gratificação ficou conhecida como Décimo Quarto, contudo... Veja a matéria completa, aqui!
-
-
Conteúdo relacionado:

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.