Header Ads


Brasileira é acusada de beber bebida alcoólica enquanto cuidava de crianças em Worcester

      Brasileiro enfrenta investigação por acusação de beber enquanto cuidava de crianças.  —  Foto: Reprodução.
 
Brasileira é acusada de beber bebida alcoólica enquanto cuidava de crianças em Worcester
Publicado no JASB em 02.novembro.2021.  

Camisas para ACS/ACE A proprietária de uma creche licenciada pelo estado de Massachusetts na cidade de Worcester bebia no trabalho enquanto cuidava das crianças, de acordo com um relatório policial divulgado pelo 25 Investigates.

A denúncia diz que a brasileira Maria De Almeida, que dirige a creche domiciliar na Collins Street, “exalava álcool de seu hálito” quando a polícia chegou em sua casa para atender a uma ocorrência sobre briga entre vizinhos.

O relatório policial diz que a mulher de 43 anos de idade ficou nervosa logo após a chegada da polícia. Ela pediu ao policial que falasse com seu vizinho que supostamente teria gritado com os “garotos que ela foi contratada para cuidar”.

VEJA TAMBÉM:

Mas enquanto o oficial estava dentro da casa do vizinho conversando com ele, a mulher entrou casa sem nenhum convite exigindo ouvir o que está sendo dito”, afirma o boletim de ocorrência.

O oficial a retirou da propriedade e uma vez fora, a brasileira começou a gritar e a acusá-lo de “não gostar de ‘pardos’”, insinuando que o oficial era racista. De acordo com o relatório, ela ficou mais agitada quando o policial disse que ela estava presa. Neste momento, Maria começou a empurrá-lo e a resistir para não ser algemada.

Ela foi detida em frente à casa onde cuidava das crianças e é acusada de arrombamento e invasão com a intenção de cometer contravenção, violação e perturbação da paz.


Reporters do 25 Investigates visitaram a casa da brasileira para ouvir a versão dela, mas ela se recusou a dar entrevista. Mas, escondida atrás de porta, disse ao repórter Ted Daniel, que ela não estava trabalhando no dia do incidente, pois era feriado. Ela se recusou a fazer mais comentários.

O programa revelou que esta não foi a primeira vez que a brasileira chama a atenção das autoridades. Em julho, o Departamento de Educação e Cuidados na Infância (EEC, sigla em inglês) citou que no quintal da casa onde ela cuidava das crianças tinha um trampolim sem proteção e uma piscina descoberta.

Os regulamentos da CEE exigem que as piscinas e os trampolins sejam vedados em locais onde crianças são cuidadas.

Não foi informado quando a brasileira será julgada.

Apoiem os Pequenos negócios. Mantenha a economia girando!


JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

O jornalismo do Conexão Notícia precisa de você para continuar marcando ponto na vida das pessoas. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de qualquer valor, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado! Veja como doar aqui! 

Inscreva-se no canal do JASB no YouTubeWhatsAppTelegram ou Facebook.

VEJA TAMBÉM:


Urgente: Sabotagem contra o Reajuste do Piso Nacional poderá deixar os ACS/ACE sem reajuste

      A formação de dois blocos em Brasília coloca em risco a aprovação da PEC 22. Se esta proposta morrer, com ela poderá ser enterrado o Reajuste do Piso dos ACS/ACE.  —  Foto: Reprodução.
 
Os agentes comunitários de saúde e os agentes de combate a endemias de todo o Brasil estão apreensivos, quanto a situação que envolve o Reajuste do Piso Salarial Nacional, atualmente congelado em R$ 1.550,00 (mil, quinhentos e cinquenta reais).  Esse valor somente... Veja a matéria completa, aqui!

Conteúdo relacionado:

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.