Header Ads


PEC que trata da aposentadoria especial e exclusiva para os agentes de saúde (ACS/ACE) recebe apoio

     O deputado federal Ronaldo Carletto afirmou ser totalmente favorável à PEC e declarou apoio aos ACS/ACE.  —  Foto: Reprodução.
 
PEC que trata da aposentadoria especial e exclusiva para os agentes de saúde  (ACS/ACE) recebe apoio
Publicado no JASB em 16.outubro.2021.  

Agentes de Saúde Os agentes comunitários de saúde e os agentes de combate a endemias estão fazendo uma grande manifestação para que a tramitação da PEC 14/2021, que estabelece o Sistema de Proteção Social e Valorização da categoria, a aposentadoria especial e exclusiva, e fixa a responsabilidade do gestor local do SUS pela regularidade do vínculo empregatício desses profissionais, aconteça o quanto antes na Câmara dos Deputados e a proposta seja aprovada. 

O deputado federal Ronaldo Carletto afirmou ser totalmente favorável à PEC e declarou apoio a esses grandes profissionais, inclusive já apresentou Requerimento para que PEC 14/2021 seja encaminhada para manifestação da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Casa.


Ao longo de minha atuação política, tenho acompanhado a luta e a resiliência desses profissionais que atuam na ponta do sistema público de saúde. É incontestável a importância deles na garantia de atenção primária a toda população brasileira. O agradecimento que nossa sociedade e o poder público devem a esses profissionais é atender às suas justas demandas”, ressaltou o parlamentar.

Carletto também destacou a PEC 22, de 2011, que tem o objetivo de instituir, de forma permanente, uma política remuneratória de valorização desses profissionais que estabeleça um piso salarial, adicional de insalubridade e aposentadoria especial. “Seria enriquecedor, para a boa condução das matérias, que a PEC 14 pudesse ser apensada à PEC 22, conforme solicitam requerimentos diversos que aguardam a apreciação do presidente da Câmara”, enfatizou.


O deputado salientou que os agentes comunitários de saúde e de combate a endemias são mal remunerados e desprovidos dos direitos mínimos de qualquer trabalhador. “Eles merecem uma carreira valorizada, um piso salarial decente, oportunidades de formação, aposentadoria especial, enfim, o reconhecimento da importância social de sua atividade. Condições dignas de trabalho para quem dedica a vida a levar dignidade às famílias mais vulneráveis deste País”, finalizou.

JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

O jornalismo do Conexão Notícia precisa de você para continuar marcando ponto na vida das pessoas. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de qualquer valor, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado! Veja como doar aqui!

Confira os preços baixos de nossa loja, aqui!

VEJA TAMBÉM:

Moto: Agentes Comunitários de Saúde ganham veículo para trabalhar

     Para a compra dos veículos foram destinados R$ 250 mil.  —  Foto: Reprodução.

Sempre defendi a saúde preventiva, principalmente nesse período difícil de pandemia, e esse é o principal papel dos agentes de saúde, por isso, é tão importante dar estrutura para que continuem desenvolvendo o trabalho de visitas domiciliares e orientações a população”, destacou a deputada. Veja a matéria completa, aqui!


Como fica o Projeto que prevê piso salarial de R$ 2.384,00 para os Agentes de Saúde (ACS/ACE) em 2022.

    Deputado Federal Hildo Rocha busca garantir um Piso Nacional de R$ 2.384,00 para os agentes de saúde —  Foto/Reprodução.

Os Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias precisam com urgência de definição do Piso Salarial Nacional para 2022. A tramitação da proposta do Deputado Federal Hildo Rocha pretende acabar ..Veja a matéria completa, aqui!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.