Header Ads


Saiba quem são os deputados federais que correm risco de perder o mandato após decisão do STF.

          No STF, três partidos alegam que a alteração na regra prejudicou o pluralismo político e a igualdade de oportunidades.   —  Foto/Reprodução/STF.
 
Saiba quem são os deputados federais que correm risco de perder o mandato após decisão do STF.
Publicado no JASB em 22.fevereiro.2024. Atualizado em 27.fevereiro.2024.  

Grupos no WhatsApp Na quarta-feira (22/02), o Supremo Tribunal Federal (STF) retomará o julgamento de três ações que abordam as normas relacionadas às sobras de vagas eleitorais. 
-
-
Mudanças na composição das bancadas

O desfecho dessa análise pode provocar mudanças na composição das bancadas da Câmara dos Deputados, resultando na perda de mandato para sete parlamentares.

Sobras eleitorais

As sobras eleitorais referem-se às vagas remanescentes após a distribuição pelo quociente eleitoral, um índice calculado com base nos votos recebidos e nas vagas disponíveis. Uma lei de 2021 estabeleceu que somente os partidos que obtiverem pelo menos 80% do quociente eleitoral podem concorrer às sobras, assim como os candidatos que alcançarem pelo menos 20% desse quociente.

O pluralismo político e a igualdade de oportunidades

No STF, três partidos alegam que a alteração na regra prejudicou o pluralismo político e a igualdade de oportunidades. A Rede, o PSB e o Podemos, além do PP, propuseram ações questionando o cálculo das vagas remanescentes elaborado pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) para determinar os deputados federais eleitos.

Voto a favor das mudanças

O julgamento teve início no ano passado no plenário virtual, com o então relator, o ministro Ricardo Lewandowski (atualmente ministro da Justiça), votando a favor das mudanças, mas apenas a partir das eleições de 2024. Alexandre de Moraes concordou com as alterações, defendendo sua aplicação já nas eleições de 2022, posição apoiada por Gilmar Mendes.
-
-
Parlamentares afetados

Segundo a Academia Brasileira de Direito Eleitoral (Abradep), caso as regras sejam modificadas, a maioria dos deputados federais impactados seria do Amapá, incluindo Sílvia Waiãpi (PL), Sonize Barbosa (PL), Professora Goreth (PDT) e Augusto Pupio (MDB). Os outros parlamentares afetados seriam Lázaro Botelho (PP-TO), Gilvan Máximo (Republicanos-DF) e Lebrão (União Brasil-RO).

A Declaração de Inconstitucionalidade

O advogado Andreive Ribeiro, membro da Abradep, afirma que a principal definição é se uma declaração de inconstitucionalidade valeria para os parlamentares eleitos em 2022:

— O desafio maior do Supremo Tribunal Federal será de compatibilizar uma decisão de inconstitucionalidade da norma, que parece evidente, com a possibilidade de perda de mandatos atuais, cujos mandatários foram diplomados com base na legislação vigente por ocasião do pleito de 2022. Segundo cálculos iniciais e provisórios da Abradep, sete parlamentares perderiam seus mandatos. O PL, por exemplo, perderia duas cadeiras. PDT, MDB e União ficariam com uma cadeira a menos. O Podemos seria o maior ganhador, com duas cadeiras a mais. PSOL, PCdoB e PSB ganhariam uma cadeira — explica.


As informações são do Portal O Globo.

Edição Geral: JASB.

Publicação
JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil - www.jasb.com.br.
-
-

****************************************************
Covid-19 - Farmacêuticas faturam R$ 1 trilhão em apenas um ano com produção e venda de vacinas e medicamentos.

          Desigualdade global em relação à vacinação coloca as farmacêuticas diante da pressão pela quebra de patentes.   —  Foto/Reprodução/Prefeitura de Cotia.
 
Publicado no JASB em 20.fevereiro.2024. Atualizado em 21.fevereiro.2024. 

Grupos no WhatsApp | Segundo matéria publicada no Portal Brasil de Fato, vigora um consenso nos porões da indústria farmacêutica: remédio bom não é o que cura, mas o que te obriga a tomá-lo pelo resto da vida. Não fique com raiva. Não é nada pessoal. São apenas negócios.
-
-
A indústria farmacêutica trabalha pelo doente crônico, não pela cura

Em uma entrevista ao jornal espanhol La Vanguardia, o Prêmio Nobel de Medicina, Richard J. Roberts, explicou como funciona o esquema: a indústria farmacêutica trabalha pelo doente crônico, não pela cura. “A pesquisa é desviada para a descoberta de medicamentos que não curam totalmente, mas que tornam crônica a doença”, explica.

Parte dos jogos do biopoder

Cabe lembrar, portando, que a medicalização da vida faz parte dos jogos do biopoder que nos condiciona, do nascimento à morte, às regrinhas do deus-mercado: a vida para o consumo.

Fórmulas medicamentosas escondidas pela indústria

Não são poucas as histórias de fórmulas medicamentosas que são escondidas pela indústria, a favor de outras fórmulas, mais eficientes do ponto de vista dos negócios. Abordei o tema em outra coluna, envolvendo a queridinha das vacinas, a Pfizer. Segundo apurou The Washington Post, a Pfizer escondeu informações sobre um remédio que poderia reduzir em 64% o risco de uma pessoa contrair Alzheimer. Como não daria lucro, não foi divulgado.

A indústria e o "melhor negócio"

A cura não é o melhor negócio. A indústria não pensa em você, mas nos acionistas e nos bônus milionários gerados por bons resultados.
-
-
Quebra de patentes

Segundo matéria do Portal Brasil de Fato, a indústria faturou, "em 2021, perto de 1 trilhão de reais com a venda de vacinas contra a covid-19. Os negócios estão concentrados em países que podem pagar pelo imunizante. Há muita desigualdade global em relação à vacinação e as farmacêuticas se veem diante da pressão pela quebra de patentes das vacinas."

          Mais de 60 países foram à Organização Mundial de Comércio pedir a suspensão temporária de patentes...   —  Foto/Reprodução/Tânia Rêgo/Agência Brasil

Pedidos de suspensão de patentes

Segundo o portal mais de 60 países foram à Organização Mundial de Comércio pedir a suspensão temporária de patentes e outras ferramentas médicas contra a covid-19, ao menos até a pandemia estar sob controle. O grupo de países não inclui o Brasil, que adotou uma arcaica posição a favor da manutenção das patentes.

A questão dos parques tecnológicos nos países

O Brasil de Fato também afirma que a União Europeia apresentou, em 2021, uma proposta intermediária e que de algum modo facilita a produção dos imunizantes. Alguns especialistas dizem que a quebra de patentes pode não funcionar, devido a problemas de parque tecnológico nos países. As próximas semanas serão decisivas.
-
-
Manipulação de informações 

A geração de dividendos, obviamente, é fundamental para a manutenção da pesquisa e da indústria. A questão é que estamos lidando com um setor que manipula informações e que se importa mais com o lucro do que com a cura.

A indústria nos quer dóceis e submissos. Bem-vindo(a) ao deserto do real.

Por Marques Casara é jornalista especializado em investigação de cadeias produtivas. Mestre em Comunicação e Semiótica pela PUC/SP. 

Edição: Vivian Virissimo


As informações são do Portal Brasil de Fato.

Edição Geral: JASB.

Publicação
JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil - www.jasb.com.br.

--
-1
****************************************************
Ministério da Saúde lança calendário digital com datas de vacinação 

          Foi apresentado um novo guia para a população sobre vacinas no Sistema Único de Saúde (SUS).   —  Foto/Reprodução/Gettylmagens.
 
Publicado no JASB em 14.fevereiro.2024. Atualizado em 20.fevereiro.2024.

Grupos no WhatsApp O Ministério da Saúde do Brasil apresentou um novo guia para a população sobre vacinas no Sistema Único de Saúde (SUS).

Versão digital do Calendário de Vacinação

Trata-se de uma versão digital do Calendário de Vacinação, que pode ser consultado tanto em forma de site quanto visualizado em um arquivo PDF baixado no computador ou celular.

Cronograma de vacinação

Segundo o órgão, o objetivo do serviço é "ajudar a manter o cronograma de vacinação em dia". Ele é parte do Movimento Nacional pela Vacinação, um programa do governo para recuperar as altas taxas de imunização que o país apresentava nos últimos anos.
-
-
O calendário digital de vacinação

A página do Calendário Nacional de Vacinação é dividida pelas opções Criança, Adolescente, Adulto e Idoso ou Gestante. Ao clicar em uma categoria, é possível selecionar também a idade para ter acesso às vacinas sugeridas e disponíveis no Programa Nacional de Imunizações (PNI).

Doenças preveníveis 

Outras informações do portal incluem detalhes sobre quais são as doenças preveníveis por aquela vacina ou dose, além do público-alvo e os imunizantes recomendados.
-
-
Calendário para maior organização de datas e vacinas

Segundo o Ministério da Saúde, o site não substitui a caderneta de vacinação, já que ele é apenas um calendário para maior organização de datas e vacinas. A carteirinha física ou digital permanece em vigor e deve ser atualizada nos postos de imunização.

Recursos para profissionais de saúde

No mesmo ambiente digital, profissionais de saúde encontram conteúdos como "publicações técnicas, atividades do microplanejamento e portarias" para melhor planejar ações e estratégias regionalmente.

Painéis de monitoramento da vacinação

O site traz também painéis de monitoramento da vacinação contra a covid-19 e a influenza, além de um contador chamado de "vacinômetro", que registra a quantidade de doses aplicadas em todo o país.


As informações são do Ministério da Saúde.

Edição Geral: JASB.
-
-
Publicação
JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil - www.jasb.com.br.


****************************************************
Emenda de R$ 1,5 milhão garante Motocicletas novas para Agentes de Saúde em cidade de Rondônia.  

          Emenda de R$ 1,5 milhão garante Motos novas para Agentes de Saúde.   —  Foto ilustrativa/Reprodução.

Publicado no JASB em 14.fevereiro.2024.

Grupos no WhatsApp | A cada dia temos novas informações de diversas cidades  que estão avançando com a garantia de Emendas, nesse caso, uma Emenda garante R$ 1,5 milhão na aquisição de novas Motos para Agentes de Saúde em Ji-Paraná. Veja outras cidades que também garantiram motocicletas para seus agentes, logo abaixo desta matéria.
-
-
Agentes receberão as Motocicletas zero quilômetro

A cidade de Ji-Paraná-RO está prestes a dar um passo significativo no setor da saúde com a chegada de novas motocicletas para os agentes comunitários de saúde. Esse investimento, proveniente de uma emenda parlamentar da deputada estadual Cláudia de Jesus trará benefícios importantes para a comunidade, tanto na zona urbana quanto na rural.

          Deputada estadual Cláudia de Jesus.   —  Foto/Reprodução.

Investimento em Ji-Paraná

A chegada das novas motocicletas representa um investimento significativo na infraestrutura de saúde de Ji-Paraná. Essa iniciativa visa melhorar o acesso aos serviços de saúde, especialmente em áreas remotas e de difícil acesso. 
-
-
Valor já foi pago à prefeitura 

O valor da emenda parlamentar é de R$ 1,5 milhão, que já foi pago à prefeitura. Investimento da deputada estadual Cláudia de Jesus que deverão ser utilizados para aquisição de motos para Agentes comunitários de Saúde em Ji-Paraná. Portanto, agentes fiquem atentos e cobrem!

          Ji-Paraná.   —  Foto/Reprodução.

Benefícios das Motocicletas

As novas motocicletas proporcionarão maior mobilidade aos agentes comunitários, permitindo que eles alcancem mais rapidamente as famílias que necessitam de atendimento. Isso contribuirá para uma resposta mais ágil às demandas de saúde da comunidade.
-
-


As informações são do Portal da Assembleia Legislativa de Rondônia.

Edição Geral: JASB.
--
- 2
Publicação
JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil - www.jasb.com.br.


****************************************************

Agentes comunitários de Itajaí recebem bicicletas para auxiliar nas visitas domiciliares

        Agentes comunitários de Itajaí recebem bicicletas.   —  Foto/Reprodução/Prefeitura de Itajaí.
 
Publicado no JASB em 13.fevereiro.2024.

Grupos no WhatsApp | Nesta publicação, estamos relatando mais um caso da entrega de meios de transporte para Agentes Comunitários de Saúde. Após esta matéria, relatamos casos de entregas de Motocicletas aos ACS/ACE. É possível que esses exemplos sejam copiados por outras prefeituras.  
-
-
Veículos convencionais e elétricos

Secretaria Municipal de Saúde entregou veículos convencionais, além de elétricos para as equipes.

O Município de Itajaí, por meio da Secretaria de Saúde, entregou bicicletas convencionais e elétricas para os agentes comunitários de saúde. O objetivo é facilitar a locomoção dos profissionais para as visitas domiciliares. 

Equipamentos novos

Os novos equipamentos também vão possibilitar atendimentos mais ágeis em áreas afastadas das unidades de saúde, especialmente no interior do município.

Mais Agentes receberão o equipamento

“Já entregamos algumas bicicletas aos nossos agentes e agora mais profissionais vão receber o equipamento. Nosso intuito é garantir o bem-estar dos servidores, facilitando seu deslocamento até as casas dos pacientes. Ao todo, 12 unidades de saúde serão beneficiadas”, afirma o secretário de Saúde de Itajaí, Emerson Roberto Duarte.
-
-
Investimento de aproximadamente R$ 82 mil

O investimento da Secretaria na aquisição das novas bicicletas e capacetes foi de aproximadamente R$ 82 mil. As unidades básicas de saúde que receberam os novos veículos são: Limoeiro, Brilhante, Parque do Agricultor, Espinheiros, Santa Regina, São Pedro, Nossa Senhora das Graças, Rio Bonito, Jardim Esperança, Itaipava, São Vicente e São João 1.

        Das bicicletas disponíveis, cada agentes comunitários recebeu um veículo.   —  Foto/Reprodução/Prefeitura de Itajaí

Fala da agente comunitária

“A entrega foi maravilhosa e será importante para o nosso trabalho, em especial na área rural. A minha área, por exemplo, tem uma distância de 11 quilômetros do posto de saúde”, destaca a agente comunitária de saúde Vanessa Rodrigues. 

-
-
Outras fotos:


-
-

-
-

-
-

As informações são do Portal da Prefeitura de Itajaí. A entrega dos veículos ocorreu em agosto do último ano. 


Edição Geral: JASB.

Publicação
JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil - www.jasb.com.br.
--
-3 

****************************************************

Conheça as cidades que distribuíram motocicletas aos Agentes Comunitários e de Endemias. 

        Várias cidades estão garantindo a entrega de Motos para os Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias trabalharem.   —  Foto/Reprodução.
 
Publicado no JASB em 18.fevereiro.2024. Atualizado em 13.fevereiro.2024.

Grupos no WhatsApp | Nesta publicação, estamos disponibilizando uma série de matérias relacionados a casos de municípios que entregaram motocicletas ou bicicletas novas aos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias. Saiba como proceder para que a sua cidade siga o exemplo, observando os casos descritos aqui.
-
-
1º caso: Prefeitura entrega Motocicletas para Agentes de Saúde

Uma parceria entre a gestão de Rolim de Moura garantiu a entrega de motos Motocicletas para ACS - agentes comunitários de saúde (veja o vídeo mais abaixo).

Uma parceria transformadora

A cidade de Rolim de Moura, localizada em Rondônia, está celebrando uma parceria transformadora entre o Governo Estadual e a Secretaria de Estado da Saúde (SESAU). Essa colaboração resultou na aquisição de 29 motocicletas destinadas aos valorosos agentes comunitários da região. 

Melhores condições de trabalho

Segundo a gestão municipalista, a iniciativa está melhorando as condições de trabalho dos agentes que desempenham um papel fundamental na promoção da saúde nas comunidades.

Um exemplo para outros municípios

A parceria entre o Governo de Rondônia e a SESAU é um exemplo notável de como a colaboração institucional pode beneficiar diretamente a população. Ao unir esforços, essas entidades puderam atender às necessidades dos ACS em Rolim de Moura, fornecendo-lhes recursos essenciais para o desempenho de suas funções.
-
-
Novas Motocicletas

As novas motocicletas representam um avanço significativo para os ACS, pois proporcionam maior mobilidade e eficiência no deslocamento entre as comunidades. Isso permite que eles atendam a um maior número de pessoas e respondam mais prontamente às necessidades de saúde da população.

        Cidade de Rolim de Moura, localizada em Rondônia.   —  Foto/Reprodução.

Mais qualidade na cobertura de Saúde

Com as novas motocicletas, espera-se uma melhoria significativa na cobertura de saúde em Rolim de Moura. Os ACS poderão alcançar áreas remotas e de difícil acesso com mais facilidade, garantindo que nenhum cidadão seja deixado para trás quando se trata de cuidados de saúde.

Maior produtividade nas visitas domiciliares

As visitas domiciliares são uma parte essencial do trabalho dos ACS, permitindo que eles identifiquem e abordem questões de saúde em um nível individualizado. Com as motocicletas, essas visitas se tornarão mais frequentes e eficazes, contribuindo para a prevenção e o controle de doenças.
-
-
Eficiência e Agilidade 

A mobilidade proporcionada pelas motocicletas resultará em ações mais eficientes e ágeis por parte dos ACS. Eles poderão responder rapidamente a emergências de saúde, realizar campanhas de vacinação e oferecer suporte às comunidades de forma mais eficaz.

Emenda Parlamentar e contrapartida do município

A aquisição das motocicletas foi possível graças a uma emenda parlamentar do Deputado Estadual Alex Redano. O Município contribuiu com uma contrapartida financeira. Essas motocicletas foram adquiridas com recursos de uma emenda parlamentar do Dep. Estadual Alex Redano, no valor de R$ 300.000,00 (trezentos mil reais), a pedido do Vereador Cidinei da 200 e uma contrapartida do Município de R$ 71.200,00 (setenta e um mil e duzentos reais).  .

Confira o Vídeo Anunciado pela Prefeitura:



As informações são da Prefeitura de Rolim de Moura.
--
- 4
Edição Geral: JASB.

Publicação
JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil - www.jasb.com.br.


****************************************************
caso: Cidades entregam Motocicletas aos Agentes Comunitários e de Combate às Endemias.

        Motocicletas aos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias.   —  Foto/Reprodução.
 
Cidades entregam Motocicletas aos Agentes Comunitários e de Combate às Endemias.
Publicado no JASB em 27.dezembro.2023. Atualizado em 30.dezembro.2023. 

Grupos no WhatsApp | Estamos apresentando desta publicação uma série de informações sobre cidades que efeturaram o repasse de Motocicletas aos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias. Leia a primeira matéria, em seguida, confira as demais.
-
-
Motocicletas destinadas aos agentes 

Nesse primeira matéria especial produzida pelo editorial JASB, apresentamos a ação do deputado estadual Delegado Lucas, que destinou R$ 50 mil em emenda parlamentar para a aquisição de motocicletas a serem destinadas aos agentes comunitários de saúde que atuam na prestação de serviços essenciais no município de Rio Crespo. 

O investimento já foi realizado

Conforme análise de nosso editorial, esse investimento, já efetivamente realizado, tem a finalidade de  de fortalecer a infraestrutura e a mobilidade dos agentes comunitários, tornando as suas atividades em benefício da comunidade mais produtivas.

        As motocicletas irão turbinar o trabalho dos Agentes Comunitários de Saúde.   —  Foto/Reprodução.

As motocicletas facilitam o deslocamento dos agentes

Os avlores investidos pelo  deputado foi integralmente pago  à prefeitura local, e a expectativa é que os veículos sejam entregues ainda no início do próximo ano. Os referidos veídulos não são apenas meio de transporte; há entendimento da gestão que representam ferramentas que tornam o trabalho dos agentes de saúde mais ágil e eficiente, especialmente nas áreas de difícil acesso ou com grande extensão territorial.
-
-
Melhor qualidade no atendimento e de forma mais rápida

A ideia de acordo com Delegado Lucas é que a iniciativa proporcione melhores condições de trabalho, para os agentes comunitários, permitindo que realizem suas visitas de maneira mais rápida e de forma expressivamente mais ampla. Em síntese, o objetivo da ação do parlamentar é ampliar o alcance dos agentes, garantindo que possam atender às comunidades mais remotas de forma muito mais eficiente.

        O trabalho dos Agentes Comunitários de Saúde é essencial para a saúde pública do país.   —  Foto/Reprodução.

A importância de investir em infraestrutura e equipamentos

"A aquisição desses veículos não apenas reflete nosso entendimento da importância de investir em infraestrutura e equipamentos, mas também destaca a relevância de apoiar diretamente o trabalho valioso dos agentes comunitários de saúde", destacou o deputado estadual.
-
-
Promoção da saúde e prevenção de doenças

Os agentes comunitários desempenham um papel crucial na promoção da saúde e prevenção de doenças, especialmente nas comunidades rurais de Rio Crespo. Em locais de difícil acesso, como a zona rural, a dependência de veículos rápidos, como motocicletas, é essencial para garantir uma resposta eficaz às necessidades de saúde locais.

Fortalecimento da presença dos agentes 

"A alocação de R$ 50 mil para a compra de motocicletas não é apenas um investimento em veículos; é um investimento no fortalecimento da presença dos agentes comunitários nas comunidades que mais precisam", esclareceu o deputado Lucas.

As informações são de Jônatas Luiz, Assessoria parlamentar.

Edição Geral: JASB.

Publicação
JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil - www.jasb.com.br.

-
-
******************************************************************************************

Prefeitura de Castilho entrega motos aos Agentes Comunitários de Saúde.

        Veículos vão melhorar o atendimento aos moradores dos 13 assentamentos do município.   —  Foto/Reprodução/PMC.
 
Publicado no JASB em 25.novembro.2023. Atualizado em 27.novembro.2023. 

A Prefeitura de Castilho, no interior de São Paulo, entregou na última sexta-feira (24) motos aos Agentes Comunitários de Saúde das UBSs São Luiz e Jupiá. 
-
-
Os veículos vão facilitar o atendimento aos moradores dos 13 assentamentos do município, que tem uma extensão territorial de 2.845,7 km².

Investimento de R$ 130 mil

O investimento total foi de R$ 130 mil, provenientes de recursos próprios da administração municipal. A entrega das chaves foi feita pelo prefeito Paulo Duarte Boaventura e pelo secretário municipal de Saúde, Demilson Cordeiro.

        Agentes comemoram entrega dos veículos.   —  Foto/Reprodução/PMC.

Uma das maiores cidades de São Paulo

"Castilho é uma das maiores cidades do estado de São Paulo em extensão territorial. Por isso, é importante que os Agentes de Saúde tenham condições de realizar visitas domiciliares frequentes e de qualidade", disse o prefeito.
-
-
Substituição de veículos existentes

De acordo com o secretário de Saúde, as motos vão ampliar o atendimento da equipe e substituir os veículos existentes, que estavam em condições precárias.

        Veículos melhoram a produtividade da categoria e o atendimento aos cadastrados.   —  Foto/Reprodução/PMC.

Ampliação do atendimento motorizado 

"Antes, tínhamos um número bem reduzido de motos e era necessário fazer revezamento entre os Agentes. Agora, com esse investimento do prefeito Paulo, nossas UBSs rurais estarão bem atendidas", destacou o secretário.

A primeira de várias outras entregas

Essa é a primeira de várias outras entregas que ocorrerão para facilitar o trabalho dos servidores públicos municipais. São ações como essas que beneficiam diretamente os moradores da zona rural

Fotos: Prefeitura Municipal de Castilho-SP. 
Fonte: Prefeitura Municipal de Castilho
-
-

******************************************************************************************

Prefeitura de Jussara entrega motocicletas aos Agentes Comunitários de Saúde.

        Agentes comunitários de saúde foram contemplados com motocicletas.   —  Foto/Reprodução.

Publicado no JASB em 25.novembro.2023.

Diversos municípios tem repassado motocicletas para encurtar distâncias e facilitar o alcance de serviços essenciais realizados pelos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias. Acompanhe mais essa maravilhosa matéria sobre a entrega desse importante veículo de locomoção, utilizados pelos agentes. 
-
-
A moto faz toda a diferença

Entre as mais diversas boas notícias produzidas pelo editorial do JASB, está a distribuição de motocicletas. São veículos que fazem a diferença, quando o assunto é encurtar as distâncias. Para os Agentes Comunitários e de Combate às Endemias, as motos tornam a produtividade mais eficiente.

A entrega das motocicletas aos Agentes da Prefeitura de Jussara

As motocicletas que foram entregues pela Prefeitura Municipal de Jussara, através da Secretaria Municipal de Saúde, aos Agentes Comunitários de Saúde reflete uma tendência identificada em diversos municípios. 

Segundo a gestão de Jussara, os  importantes veículos foram adquiridos pelo valor de R$ 200.000 (duzentos mil reais). O investimento não foi realizado com recursos próprios, ou seja, foram gerados por meio de emendas parlamentares. 

O entendimento da municipalidade é que a "iniciativa reforça o compromisso com a melhoria dos serviços de saúde e mobilidade, proporcionando condições ideais para o desempenho eficaz das atividades dos profissionais," conforme nota publicada.  

Outra informação que se destaca nesse cenário de positividade é que a compra das motos ocorreu no próprio município de Jussara. Portanto, não só valorizando o comércio local como gerando mais recursos para o próprio município.
-
-
A prática de entrega de motos aos ACS e ACE é uma realidade muito comum em diversos municípios brasileiros. São investimentos que revelam os seus bons resultados, ainda num curto período de tempo.

        Entrega de motos aos agentes comunitários de Bom Jesus do Tocantins.   —  Foto/Reprodução.

Histórico de entrega de motos

O nosso editorial identificou que os municípios que possuem o histórico de entrega de motos aos Agentes de Saúde (quer Agentes Comunitários ou de Combate às Endemias) possuem maior probabilidade de realizar novas entregas, no transcorrer de um certo tempo. Logo abaixo desta matéria, estamos disponibilizando algumas publicações anteriores sobre esse ato, que só vem a somar na vida dos agentes. 

Os beneficiados  

A entrega dos veículos em questão, não só amplia a produtividade tão desejada pelos gestores, mas também torna menos sofrida a vida dos agentes, que estão na ponta, buscando atender as demandas dos seus cadastrados. Portanto, quando o assunto é entre de motocicletas aos ACS ou ACE, também pode ser considerado que a população atendida por tais profissionais, também é beneficiada diretamente.
-
-
O que disse a Prefeitura de Jussara em nota

A Prefeitura Municipal de Jussara, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, tem a satisfação de informar à comunidade a entrega de 11 novas motocicletas destinadas aos agentes de saúde do município. 

As referidas importantes aquisições, no valor de R$ 200.000 (Duzentos mil reais) foram viabilizadas através de emendas parlamentares. 

A iniciativa reforça o compromisso com a melhoria dos serviços de saúde e mobilidade, proporcionando condições ideais para o desempenho eficaz das atividades dos profissionais. Vale ressaltar que a compra das motocicletas foram realizadas dentro do município de Jussara. Valorizando o comércio local.

Assista ao vídeo abaixo:

-
-
As informações são do JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil - www.jasb.com.br


CANAIS ESPECIAIS DO JASB:

******************************************************************************************

Agentes motorizados: Prefeitura entrega veículos aos Agentes Comunitários e de Endemias.

        Agentes comunitários de saúde foram contemplados com motocicletas.   —  Foto/Reprodução.
 
Publicado no JASB em 29.junho.2023. Atualizado em 18.novembro.2023.

O município recebeu motocicletas para encurtar distâncias e facilitar o alcance de serviços essenciais dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias. Confira esta entrega e outras, mais abaixo.
-
-
Na manhã de segunda-feira (28/06), em um gesto concreto que reforça seu compromisso com a saúde de Rondônia, o deputado Ismael Crispin (Sem Partido) entregou 38 motocicletas aos agentes comunitários de saúde e endemias de Nova Mamoré. 

As motos foram avaliadas em R$ 400 mil

Essa iniciativa, fruto de uma emenda de autoria do parlamentar no valor de R$ 400 mil, representa um passo significativo no fortalecimento do trabalho dos agentes.

O papel das motocicletas

De acordo com o parlamentar, em um cenário em que o acesso aos serviços de saúde ainda é um desafio para muitos, especialmente nas áreas rurais, as motocicletas desempenharão um papel crucial ao encurtar distâncias e facilitar o alcance de serviços essenciais.

De agora em diante, cada quilômetro percorrido por esses agentes simbolizará um passo em direção a um futuro mais acessível. 

Deslocar ágil e eficaz

A habilidade de se deslocar de maneira ágil e eficaz permitirá que esses profissionais conduzam visitas regulares, monitorem a saúde da população e forneçam orientações e cuidados preventivos de maneira oportuna", destacou Ismael.

Segundo Ismael, a proposta das motocicletas foi apresentada pelo líder comunitário Beto Rosa. 
-
-
Reconhecimento

"Beto Rosa é uma figura ativa na comunidade, sempre atento às necessidades da população. É uma honra trabalhar ao lado de líderes comprometidos como ele. Parabéns pelo seu esforço em prol de Nova Mamoré", afirmou.

Beto Rosa também manifestou seu agradecimento pela parceria com o deputado Ismael Crispin, enfatizando a importância de unir esforços para superar desafios e elevar a qualidade de vida das pessoas. 

União em prol de um objetivo comum

"A entrega dessas motocicletas exemplifica como podemos colaborar para gerar um impacto positivo em nossa comunidade. O deputado Ismael Crispin não apenas ouviu nossas demandas, mas também trabalhou incansavelmente para concretizar este dia. Estamos unidos em prol de um objetivo comum: assegurar acesso à saúde e oportunidades para todos" finalizou Beto.

Portal da Cidade - São Miguel do Guaporé.
******************************************************************************************

Prefeitura entrega novas motos para os agentes de saúde. 

        Agentes comunitários de saúde foram contemplados com motocicletas.   —  Foto/Reprodução/P. Atalaia.
 
Publicado no JASB em 18.junho.2023. Atualização em 19.agosto.2023. 

A prefeita Ceci Herrmann, do município de Atalaia, garante que segue comprometida com a saúde e o bem-estar da população em sua cidade. 
-
-
Na  sexta-feira (11), a gestora entregou  motocicletas novinhas para a equipe de saúde local.

O editorial do JASB fez o levantamento e constatou que as motos tiveram como destino agentes comunitários de saúde do município. 

Garantir atendimento eficaz

“Essa iniciativa visa não apenas otimizar o trabalho dos agentes de saúde, mas também garantir atendimento eficaz nas regiões mais remotas e de difícil acesso do município”, declarou a prefeita.

Demanda da categoria

A reportagem avalia que o gesto da prefeita Ceci reflete o interesse dela em atender a demanda da categoria, que se encontra sob a gestão municipal.

Na concepção da gestão, o fornecimento das motos aos agente reflete o entendimento da importância de fornecer as ferramentas adequadas para os profissionais de saúde realizarem seu trabalho com eficiência e eficácia.
-
-
Necessidades dos ACS e ACE

Segundo o nosso entendimento, as necessidades dos agentes comunitários e de combate às endemias nos municípios são diversas e, sem dúvida alguma, a municipalidade tem como sanar tais necessidades dessas categorias, sabendo que haverá retorno em qualidade de vida da população. 

        Prefeita Ceci Herrmann.   —  Foto/Reprodução/P. Atalaia.

Quando falamos em qualidade de vida, sabemos o quanto isso reflete no orçamento dos gestores municipais. Seja considerado que o Trabalho dos agentes de saúde gera uma economia anual de R$ 181 bilhões aos cofres públicos.

As motocicletas representam inovação e reação

A gestão  do município de Atalaia considera que as motocicletas não são apenas meios de transporte, mas "representam a capacidade da administração municipal em inovar e agir em prol do bem-estar da população”, como comentou Ceci.

Facilita o trabalho dos agentes

A prefeita ainda reforçou que as motocicletas irão facilitar o trabalho dos agentes de saúde do município, que chegam a percorrer até 200 quilômetros por semana para fazer as visitas domiciliares aos pacientes. “Além de garantir que o atendimento seja feito com mais agilidade em comunidades distantes”, concluiu.

Fonte: JASB com informações da Prefeita de Atalaia
-
-
******************************************************************************************

Prefeitura entrega motocicletas aos Agentes Comunitários de Saúde. 

        Agentes comunitários e de combate às endemias estão sendo contemplados com motocicletas.   —  Foto/Reprodução.

Aqui no JASB já publicamos várias matérias sobre cidades em que as gestões municipais entregaram motocicletas aos agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias. Confira mais essa e leia a matéria sobre o tema, logo abaixo.
-
-
Conforme informações da própria gestão municipal, as motos devem ficar à disposição dos agentes comunitários de saúde para visitas em acompanhamentos de pacientes cadastrados.

A prefeitura municipal de Farias Brito realizou a entrega de 49 motocicletas novinhas em folha aos agentes comunitários de saúde da sede e zona rural da cidade. O momento destaque ocorreu na sede da Secretaria de Saúde.

As motos estarão ao dispor de cada um dos profissionais para realização de suas atividades, de acordo com a gestão municipal.

Já nas redes sociais o administrador municipal, prefeito Deda Pereira, deu ênfase a expressiva relevância de ações  de saúde no município, abordando o contexto histórico. 

“Um momento histórico. Somos o primeiro município do interior do Ceará a realizar uma ação desse tipo”, sintetizou o prefeito.

A entrega da motos ocorreu na tarde do dia 19 de janeiro.
-
-
Entrega anterior de motos aos agentes comunitários

        Prefeito Deda anunciou aquisição de 49 motos para Agentes Comunitários de Saúde.   —  Foto/Reprodução.

Em dezembro do ano passado (2022), o prefeito Deda havia anunciado aquisição de 49 motos para Agentes Comunitários de Saúde.

O prefeito da cidade de Farias Brito, Deda Pereira, anunciou através das suas redes sociais na tarde do dia 15/12, a aquisição de 49 motos zero quilômetros para uso exclusivo dos agentes comunitários de saúde.
-
-
Segundo informações compartilhadas pelo próprio prefeito, uma parte das motos já havia chegado e a  outra parte das motos seriam entregue até o mês de Janeiro.

Conforme informamos na matéria acima, a previsão é que as motos seriam entregues aos agentes para uso das atividades da saúde na zona urbana e rural do município. E assim foi feito.

“Ao todo serão 49 motos que, distribuídas entre os agentes, viabilizará uma melhor locomoção e rapidez nos atendimentos domiciliares da sede e zona rural de nossa cidade”, disse o gestor na ocasião.

****************************************************

Entrega de Motos: Saiba por quais motivos diversas cidades entregam motocicletas aos ACS/ACE e outras não.

        Agentes comunitários e de combate às endemias estão sendo contemplados com motocicletas.   —  Fotomontagem: Samuel Camêlo,JASB.

Recentemente publicamos a entrega de Motos Honda, realizada na cidade de Carneiros (Alagoas). O evento contemplou aos agentes comunitários de saúde e agentes de endemias, conforme matéria, logo abaixo.
-
-
Os agentes comunitários de saúde de Bom Jesus do Tocantins também foram agraciados com o veículo de trabalho que, sem dúvida alguma, facilita muito o deslocamento e dinamiza a utilização do tempo para cobrir a área de trabalho ou o campo, no caso dos agentes de combate às endemias. 

A questão de nossa interrogação remete aos motivos que permitem que algumas cidades realizem a entrega dos veículos e outras não. Se um cidade pode facilitar a vida dos agentes com a entrega das motos, por qual motivo as demais não seguem o mesmo exemplo?

A verdade está no que é considerado prioridade pela gestão municipal. O caso não envolve apenas a disponibilidade de recurso financeiro, mas,  como o administrador público municipal identifica como importante em sua gestão. Pode até parecer contraditório, contudo, é fato que a saúde da população não é um tema considerado prioritário de muitos gestores. Claro que nos discursos sempre será, assim como a educação e moradia. Porém, infelizmente, a prática é muito diferente da realidade. 

        O Investimento no deslocamento dos Agentes comunitários e de combate às endemias amplia a qualidade dos serviços prestados por esses profissionais.   —  Foto/Reprodução.

A movimentação de recursos federais destinados aos municípios é algo expressivos, principalmente por meio da pasta do Ministério da Saúde. 
-
-
Por meio do Portal do FNS - Fundo Nacional de Saúde é possível identificar a movimentação que é realizada em favor dos municípios, sem citar as demais. Portanto, temos a questão da definição sobre o que é prioridade na utilização do recurso.

Emendas parlamentares
Os deputados federais e senadores da República também destinam milhões em recursos aos municípios. Esta também é uma excelente oportunidade para que a saúde seja priorizada na parceria entre prefeitos e parlamentares federais. É muito comum citarmos em nossas matérias que houve o repasse de recursos federais, tendo a mediação de deputados e senadores, destinando recursos de suas Emendas Parlamentares. 

Dinheiro em caixa
A utilização de recursos próprios, também é um meio muito comum dos prefeitos definir como destino a saúde. Em inúmeros casos de compra de motos ou bicicletas para o trabalho os agentes comunitários e de endemias, os gestores municipais alegam que pagaram com recursos do próprio caixa do município. 
-
-
        As motos facilitam muito a vida dos ACS/ACE.   —  Foto/Reprodução.

Saúde que avança
Quando a gestão pública municipal prioriza a saúde da população, sem dúvida alguma, os resultados surgem sem muita demora. Quando ocorre investimento no deslocamento dos agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias, a tendência é a ampliação da qualidade dos serviços prestados por esses profissionais. 

Minha cidade nunca entregou nenhuma moto
Já no caso dos gestores que não investem na ampliação da qualidade do atendimento à saúde da população, a principal alegação para tal coisa é a falta de recursos. Há, não poucas, cidades que nunca entregaram uma moto que seja para que o ACS ou ACE pudesse ampliar a qualidade do deslocamento, em atendimento à população. Uma realidade lamentável e que, em muitos casos, revela a falta de interesse de investir na saúde.
-
-
Motivação
É importante sim, que os agentes estimulem os seus gestores para que priorizem a aquisição de motos para que o deslocamento da categoria seja realizado com maior eficiência. Seja considerado que o investimento que a gestão municipal irá fazer irá beneficiar a toda população assistida pelos ACS e ACE. Isto refletirá em ganhos expressivos tanto em termo de saúde, quanto crédito político eleitoral. Em resumo: a gestão só tem a ganhar.

Esse é o entendimento que o editorial do JASB tem sobre a questão da importância de investir no deslocamento dos ACS e ACE. A aquisição de motos é algo muito importante na melhoria da Saúde Primária nos municípios.

Envie informações de sua categoria, em sua cidade à redação do JASB por e-mail: agentesdesaude(sem spam) @gmail.com ou por meio dos formulários de conato da página.
-
-
 Receba notícias direto no celular  entrando nos nossos grupos. Clique na opção preferida:
 WhatsApp , Telegram   Facebook  ou Inscreva-se no canal do  JASB no YouTube 

Autorizada a reprodução, desde que a fonte seja citada com o link da matéria.


JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil.
Tecnologia do Blogger.